Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2009

Peças de um Quebra Cabeça só

Eu queria escrever um texto.
Não só um texto, mas um apanhado geral dos meus sentimentos, à medida que ministro doses homeopáticas de lirismo e de amor. Nem ponto de partida eu acho, daí sigo a antiga dica de uma antiga professora de Português - talvez a única partindo desta que tenha servido - começar a escrever sobe não conseguir escrever.
Daí as ideias pintam e bordam, de brincadeira com minha cara, e chegam de mansinho tomando conta do recinto, afim de provocar curiosos efeitos e um misto de "o que é que eu quis dizer mesmo"?

Nesse meu texto eu queria colocar tudo o que eu amo. Dizem que as palavras são como um elástico que estica pra sempre e em todas as direções, sem nunca arrebentar. Mentira, não dizem coisa alguma, quem disse fui eu e agora. Tenho que parar com essa mania de achar que minhas metáforas não serão boas o suficiente se não partirem de outrem.
Mas voltando no que eu amo, eu acho que colocar tudo o que se ama num texto só é babaquice, por isso eu queria coloca…