27/02/2008

Pleno Quotidiano VIII

Cena 15

(rua em frente à praça)

Marcos:(correndo) - Gabi volta aqui.
Gabriella:(correndo, à frente) -Vai embora.
Marcos: - Me escuta! Por favor.
Gabriella: Eu te odeio, filho da puta!
Marcos: - Espera!
Gabriella: Mentiroso, cachorro! (pára) Eu te odeio! (os joelhos cedem, e ela cai chorando)
Marcos:(alcançando-na) -Me escuta, amor.
Gabriella: (gritando) Vai tomar no cu Marcos! Pára de me chamar de amor! Eu ouvi! Larga essa sua máscara!
Marcos: (pausa) Tá, desculpa.Agora deixa eu te explicar
Gabriella: -Explicar o quê? Que você me ama sim? Que o que eu acabei de ouvir era uma brincadeirinha sua ? Eu te peguei no flagrante! Eu te peguei falando!
Marcos:- A culpa não é minha, foi...
Gabriella:- Vai dizer que foi seu amigo? Que ele assistiu muita Malhação e tá querendo dar uma de nos separar? Que ridículo Marcos.
Marcos: - Olha. Ele teve interesse em que você ouvisse isso sim.Pode até não ter sido proposital, mas teve.
Gabriella:- Eu quero que ele se foda! Ele não me enganou, você sim.
Marcos: Gabi, deixa eu explicar tudo! Escuta cacete!
Gabriella:(chega muito perto) - Então fala. Fala aqui na minha cara.Diz que é mentira, inventa desculpas.
Marcos: - Eu não vou inventar nada. Eu vou pedir desculpas.
Gabriella:- Mas que distinto cavalheiro!
Marcos: - Gabi, é sério. Desculpa. É fato. Eu realmente nunca te amei.Eu fui um idiota. Eu sou. Eu só quero que você me perdoe um dia. Foi muito bom ficar com você esse tempo. Você não me merece mesmo. Nossos quotidianos não se batem. Eu sou bom demais pra você.
Gabriella:- O quê?
Marcos: - Eu só sinto que tudo isso teve que acontecer.Pra eu ter coragem o suficiente pra lhe dizer isso. Eu não sou digno de você, nem de ninguém. Eu sou o pior tipo de covarde. Eu sou aquele que vai pra luta, mas se alia com o inimigo. Perdão. (chora)
Gabriella: (silêncio) - Você...Você...Você quer o que agora? Você quer me deixar com pena? Você quer que a gente volte é isso?
Marcos: -Não.Não dá certo. Por favor , seja muito feliz e me perdoe um dia. (sai)
Gabriella: - Marcos... Marcos (grita) MARCOS!! Volta aqui. Filho da puta, eu que estou brava, quem tem que dar o fora sou eu! (corre atrás dele)

(B.O)

Um comentário:

Tiago Faller disse...

Caraca, meu... que péssimo isso! ma traz alguma lembranças... HOHO

Morri de dó... Coisa mais triste que rola, porem, ri da ultima fala da Gabi.

Abraços, piá...